Informações essenciais da raça Rottweiler

Informações essenciais da raça Rottweiler

A mordedura do Rottweiler é mais forte que a do Pitbull e a do Pastor Alemão. Com uma força de cento e quarenta e oito quilos, o segredo está no tamanho da cabeça. Quanto maior o crânio, mais intensa a mordida;
Sem variação de coloração, seus lábios são sempre escuros, tal como sua pelagem, adornada com castanhas ao redor da boca, ombros e patas, bem como manchas sobre os olhos;
O corte do rabo do Rottweiler é coibido em diversos lugares do mundo, até mesmo no Reino Unido. Porém, nos Estados Unidos, ainda é permitido e praticado. Eles eram cortados outrora por questões de praticidade, com finalidade de não incomodar o trabalho;
Devido à reprodução às vezes desenfreada e sem controle da raça, Rottweilers possuem uma grande inclinação a apresentar problemas na ossatura;
Will Smith é um tutor orgulhoso de um grupo de 4 Rottweilers,
A espécie recebeu este nome em homenagem à cidade de Rottweil, na Alemanha, onde trabalhava com pastoreio desde a época medieval;
Jake, um Rottweiler de 2 anos, estava caminhando com sua dona, Liz Maxted-Bluck, no ano de 2008, quando escutaram gritos de uma mulher que estava sendo estuprada. Ele localizou o estuprador e a vítima em um matagal denso, espantou o agressor, levou sua tutora à cena do crime e ficou protegendo as mulheres até a hora que a polícia chegou. O homem foi condenado e preso por 4 anos. Jake recebeu uma medalha e ganhou um prêmio de coragem pela polícia local;
Os filmes Máquina Mortífera 3, Prá Lá de Bagdá e a série da HBO Entourage, todos mostram cachorros da raça Rottweiler de maneira positiva.

O Lindo Pet Rottweiler na História

guia-rottweiller O Rottweiler é uma das espécies mais velhas que se tem notícia, tendo seguido as legiões Romanas por meio dos Alpes, servindo de guarda para os indivíduos e tocando o gado. O Rottweiler herdou, sua denominação da antiga cidade de Rottweil: Rottweiler Metzgerhund (Cachorro de açougueiro de Rottweil – uma vez que os açougueiros criavam a raça com a única finalidade de trabalho).
Naquele tempo, os cachorros passaram por um processo de acasalamento, entretanto mantiveram sua tarefa principal de proteção e boiadeiro usual a grandes bichos. Nos dias de hoje, poucos cães ainda são utilizados com o fim do pastoreio, mas, em compensação, o Rottweiler é uma das raças prediletas de quem busca um cachorro de guarda quieto, comedido e, sobretudo, excessivamente eficiente e audaz.
Independente de todas as suas qualidades, o Rott quase foi exterminado e apenas fugiu desse infeliz destino quando, no ano de 1910, foi selecionado pela polícia da Alemanha para colaborar no trabalho, aliando-se ao Pastor Alemão e ao Airedale Terrier.
A espécie chegou em território brasileiro no ano de 1970, e em pouco mais de vinte anos se tornou uma das mais populares. No ano de 1995 foi a raça “número 1” do Brasil, tendo a maior quantidade de filhotinhos documentados, tal como na Europa e nos Estados Unidos.

Características Físicas do Cachorro Rottweiler

Trata-se de um cão grande, nem pesado nem leve. Não é alto, seu corpo é curto, compacto e robusto. De inteligência louvável, a devoção e dedicação ao trabalho são esplêndidas, bem como a disciplina, incorruptibilidade, força e tenacidade.
Seu atributo físico mais inesquecível é a vigorosidade do corpo e cabeça (estrutura molossóica), assim como sua pelagem característica: escuro com marcações em marrom avermelhado, nitidamente delineadas. Seu porte musculoso (sendo em nenhum momento obeso) e suas propriedades de temperamento o qualificam de forma inequívoca para suas atribuições.
O próprio parâmetro da espécie salienta que, além de seu físico vigoroso, é um cão que está a todo momento alerta e possui grande potencial de reconhecer a ocasião em que há ou não uma ameaça, quer dizer, não é um cão que ladra ou avança a qualquer momento e sequer a qualquer um.
De acordo com os produtores, o Rott tem enorme carinho aos donos, dá-se muito bem com crianças (contanto que sejam criados desde novos) e é grande a espontaneidade para assimilar e acatar (está em nono lugar na tabela do impresso “A Inteligência dos Cães”).
Dono de uma mordida vigorosa, decorrência natural de sua constituição física, o Rottweiler adulto deve receber ossos (de preferência rótula bovina ou fêmur) sempre que possível, visando trabalhar e fortificar seu maxilar.

Temperamento da raça Rottweiler

O Rott possui uma forma bem característica de marcar seu território, descrevendo círculos em torno da propriedade a ser vigiada. Caso uma pessoa estranha adentre sua área é instantaneamente barrado pelo cachorro. Não é um cachorro violento nem desnecessariamente agressivo. Antes de atacar dá indícios claríssimos de sua intenção, fornecendo, dessa maneira, chance do invasor recuar anterior ao bote. Essa característica é marcante de sua forma de proteção e assegura aos donos enorme tranquilidade e uma vez que muitas vezes eles sequer percebem que alguém buscou penetrar a residência.
Inteligente, tem faro apurado e ótima memória, o Rottweiler possui um amadurecimento mais tardio do que cães de outras raças, sendo considerado adulto a partir dos 2 anos de vida. É geralmente manso e sereno, impondo-se pela confiança que mostra possuir e por seu histórico destemor.
Conforme o critério da espécie, o Rottweiler tem boa natureza, é calmo, bastante dedicado, disciplinado, afável e ansioso para trabalhar. Tal como ocorre com qualquer outra espécie, o costume potencialmente violento em cachorros da raça Rottweiler, geralmente, é resultado da posse imprudente, violência, negligência ou falta de sociabilização no decurso da etapa de crescimento.

Benefícios de Ter um Cachorro Rottweiler

É um cachorro bastante fiel, devotado à sua família, calmo com crianças, desde que criado com elas, além de ser uma excelente parceria. É um cão bastante inteligente, disciplinado, possui um enorme potencial para executar várias atribuições como cão policial e cão de guarda. Mostra-se como um cachorro equilibrado e que conta com um forte instinto territorial, em contrapartida é sossegado, musculoso e, principalmente, muito dedicado para à família. Seu amadurecimento psíquico ocorre apenas depois de dois anos de idade.
São bem dinâmicos, por causa disso necessitam de bastante exercício. Seguramente ele irá estranhar alguém desconhecido, entretanto deve ser estimulado a não ter este tipo de comportamento. É um cachorro considerado sagaz e pouco violento, apesar de ter competências de um ótimo cão de alerta e de guarda.
Por poder vir a ser um cão bravo e ter um comportamento forte, carece muitas vezes ser reprimido, e graças ao seu porte vigoroso, carece estimular sua musculatura, devido a isso ter um enorme quintal para que ele consiga correr e faça a sua patrulha, visto que é um bom cachorro sentinela, é uma incrível opção.

Enfermidades comuns do Rottweiler

problemas-rottweiller Como todo cão enorme, de desenvolvimento acelerado, os Rottweilers são bastante suscetíveis à displasia. Estudiosos indicam que por volta de 15% dos filhotinhos sofrem da moléstia. É crucial verificar cuidadosamente a origem dos pais e o comprovante negativo para displasia e/ou em grau concebível para o cruzamento.
Outro dos problemas bastante comuns aos nossos Rottweilers é a chamada “linha superior frouxa”, que ao invés de ser resistente ao caminhar, mexe para baixo e para cima, gerando um desperdício de energia e provocando cansaço mais rapidamente.
Existem também diversos espécimes com olhos claros e lábios e gengivas rosadas, o que não é aconselhável na raça por ser indício de despigmentação.
Outras faltas desqualificantes que impedem o acasalamento são olhos amarelados e cada um de uma coloração. Entrópio (cílios adentram nos olhos) ou ectrópio (pálpebra inferior caída). Dentadura prognata (arcada inferior sobressalente à superior), retrognata (arcadas não se encostam), falta de molares ou pré-molares. Pelagem visivelmente longa ou crespa, manchas brancas no pelo. Machos com aparência afeminada e cadelas com aparência masculinizada, machos com só um ou nenhum testículo. Comportamento medroso, tímido, com fobia a ruídos de tiros e profundamente desconfiado ou intranquilo.
É necessário assegurar-se acerca de possíveis problemas de temperamento, uma vez que problemas de animais agressivos têm ampliado muito nos últimos tempos.

Cuidados da Raça Rottweiler

O Rottweiler autoritário necessita de um proprietário que possa tratá-lo e domá-lo. Exige foco em treino e sociabilização para evitar o crescimento de comportamento ofensivo ou intranquilo. É prudente controlar a dieta, ofertando uma alimentação equilibrada e sem abusos a fim de evitar que engorde.
Sendo a natureza do Rottweiller de excessivo trabalho e atividade, é importante que a raça viva em lugar com espaço suficiente para a prática de atividades físicas regulares, do contrário, seu equilíbrio e docilidade são capazes de ser abalados. O adequado é que a espécie possa praticar atividades duas vezes por dia (de preferência, em espaços abertos e protegidos, porque o cachorro se sente melhor toda vez que pode ficar fora da coleira), sendo que ele deve ser levado para fora do lar – ainda que para o jardim – a fim de que esse modelo de exercício seja efetuado.
Além de poder destruir a residência com seus divertimentos, os cachorros Rottweiler têm uma grande inclinação a vir a ser acomodados e preguiçosos enquanto no conforto do lar e, por causa disso, levar o cão para locais diferentes e abertos é sempre a melhor alternativa com finalidade de incentivar o nível de energia e atividades dessa espécie.

Filhotes do pet Rottweiler

Os filhotes devem ter pelos brilhantes, olhos vivos e nenhuma espécie de secreção no focinho. Como todo filhote, são divertidos, todavia exigem do proprietário uma postura forte, dado que o Rottweiler deve ter bastante evidente quem é o comandante da família. Com o intuito de prevenir problemas de temperamento futuros, como a hostilidade em excesso, necessita-se sociabilizar o filhotinho permitindo contatos com as visitas e outros cães. Conforme o novo parâmetro da raça, os filhotes não têm que ter mais o rabo amputado.
A fim de fazer uma perfeita opção na hora de optar por filhote, procure sempre analisar o animal durante alguns minutos com finalidade de examinar se não é medroso e se tem boa audição (estale os dedos e observe se ele procura a fonte do som). Evite obter filhotinhos que rosnem ou chorem ao serem carregados, o que é capaz de revelar desvios de personalidade (hostilidade exagerada ou temor).
Os filhotes têm certa predisposição à gastroenterite – infecção do intestino e do estômago e que ocasiona diarreia e vômito. O único meio de evitar seu aparecimento é manter o esquema de vacinação regular e seguir as regras basilares de limpeza do canil.

Informações essenciais da raça Rottweiler
Avalie esta postagem