O GLOBO dos Animais

Erros que donos de cachorros costumam praticar

Você tem cuidados certos com seu cachorro A grande parcela dos indivíduos que tem animais de estimação gosta dos seus bichinhos e é capaz de fazer qualquer coisa por eles. Mas, mesmo assim, é possível que os proprietários de cães cometam equívocos comuns que irão desde ofertar alimentos que não são convenientes até não colocar limite aos animais.
Observe se você tem acertado ou errado com seu cachorro:

Seu cachorro caminha com você

Um cachorro mal treinado é capaz de ser um perigo quando você está fora, dando um passeio. Em concordância com estudiosos, dezenas de milhares de pessoas vão parar no hospital todos os anos em razão de quedas associadas com pets. Muitas acontecem no decorrer de caminhadas, quando uma pessoa é puxada ou empurrada por seu cachorro. Estudiosos indicam que o treinamento de obediência é a melhor maneira de se garantir que seu cachorro não o vai derrubar ao longo de seu passeio da manhã.

Você pratica pouca atividade física com seu cachorro

Assim como os seres humanos, os pets precisam se deslocar com o intuito de se manterem com saúde. Sem exercício, eles são propensos ao ganho de peso excessivo, o que aumenta o risco de problemas de respiração e problemas articulares. A quantia adequada de exercício para um cão deve-se à raça e tamanho, entretanto os médicos-veterinários recomendam pelo menos meia hora ao dia.

Você compreende a linguagem de corpo do seu cachorro?

Você adora seu cachorro? É evidente! Todavia você efetivamente entende o seu bichinho doméstico? Se você imagina que uma cauda parada é constantemente um ótimo indício, você pode vir a ter uma grande surpresa. Quando um cão quer assustar um indivíduo, ele pode segurar a cauda elevada e agitar-se rigidamente pra frente e pra trás. Ignore este sinal corporal e parta para um divertimento e você é capaz de ser atacado.

Você não dá atenção suficiente ao seu cachorro

Assim como crianças, seus animais de estimação vão ficar aborrecidos se você não se divertir com eles. E isto é capaz de levar a comportamentos como morder, cavar, ladrar e chorar. Conserve as coisas interessantes, esconda alimentos para seus cães acharem por toda a moradia. Oriente os cães a jogar caça, cabo de guerra ou esconde-esconde.

Você não socializa os animais da casa filhotes

Ao longo das primeiras 7 semanas de vida, cães necessitam de se habituar com outras pessoas. Portanto, seus humanos devem construir essa segurança. Tratadores consideráveis vão começar a praticar isto e você pode conservar na ocasião em que você levar seu animal de estimação ao seu lar. Para gerar uma forte conexão, brinque com seu cachorro todos os dias.

Você deixa o seu cachorro sozinho por demasiado tempo

Oito a dez horas solitários em um canil, em uma minúscula lavanderia ou inclusive ao ar livre é demais para a maioria dos cães. Isto pode levar à impaciência de separação e comportamentos destrutivos, como morder, cavar, ladrar continuamente ou ganir, e até depressão em um pet. Melhores opções são creches para cães, uma visita ao longo do dia, uma babá ou um companheiro canino. Os cachorros maduros podem passar 4-5 horas numa caixa, contudo precisam de exercícios antes e depois.

Você não impõe regras

Certas pessoas cogitam que seus animais domésticos compreendam o que é errado sem serem ensinados. Porém isso não acontece voluntariamente com cães. Você precisa deixar claro que pular em cima das pessoas, morder os móveis e urinar no tapete é errado. Seja coerente com essas regras e gratifique seus pets pelo bom comportamento.

Se você ter necessidade de orientações, um instrutor é capaz de ajudar.

No momento em que chegar em sua moradia e encontrar uma poça de urina no chão, você é capaz de sentir desejo de berrar com seu animal doméstico. Entretanto os pesquisadores em temperamento animal asseguram que isso não irá surtir nenhum resultado. Ocorreu no passado e seu cão não vai saber por qual razão você está gritando. Uma estratégia melhor é parabenizar seus animais da casa de imediato na ocasião em que eles fazem suas necessidades nos locais apropriados.

Você deixa seu cão com crianças sem supervisão

Crianças amam cachorros, contudo, algumas vezes, o entusiasmo delas faz com que se machuquem. As crianças podem brincar de maneira muito áspera com algum cão que pode se defender atacando o pequenino. Monitore o tempo de brincadeiras no momento em que um novo cachorro se junta à família.
Defina regras acerca de como as crianças precisam tratar o animal de estimação e instrua as crianças a constatar os vestígios de que um cachorro não está gostando da brincadeira ou almeja ficar sozinho.

Você dá ossos para os cães

Podemos pensar em ossos como gratificações saborosas para cães, contudo especialistas dizem o contrário. Consoante veterinários, morder os ossos é capaz de machucar os dentes, a língua ou a cavidade bucal dos cães. Eles também, podem ficar presos no trato digestivo levando à necessidade de remoção por meio de procedimento cirúrgico ou endoscopia.
Se o seu cão gosta de mastigar, questione ao seu veterinário sobre escolhas mais seguras.

Erros que donos de cachorros costumam praticar
Avalie esta postagem